Keller Williams à conquista do mercado imobiliário português

Keller Williams à conquista do mercado imobiliário português

William Soteroff, vice-presidente da Keller Williams Worldwide, esteve esta semana na Europa. A imobiliária, que chegou a Portugal no último trimestre de 2014, acaba de alargar a sua rede de agências no território nacional a seis novos locais — Braga, Famalicão, Porto, Vila do Conde, Abóboda e Cascais — e nas próximas semanas deverá abrir quatro novos market centers. Atualmente a KW tem filiados mais de 110.000 Consultores e mais de 700 Market Centers por todo o mundo. Portugal é já a maior representação da insígnia fora da América do Norte.

KW - Logo

Qual o potencial de Portugal para a mediação imobiliária?

Portugal é um mercado importante na Europa. Vendedores e compradores esperam um elevado nível de serviço do seu consultor imobiliário.

Para assegurar isso, a KW está a implementar market centers por todo o país, um processo intimamente ligado à nossa política diferenciadora de Recrutamento & Selecção, que pretende assegurar que os talentos certos do imobiliário português vão liderar os market centers KW.

Que estratégia a adotar para conquistar mercado?

Através da nossa cultura única, dos nossos sistemas e modelos, conjugados com os nossos métodos de formação, inclusivamente já premiados [Nota: a KW é considerada a empresa n.º1 em Formação no Mundo em qualquer área de atividade, reconhecimento atribuído pela Training Magazine no seu Top 125], na KW pretendemos atrair os principais talentos do mercado imobiliário – pessoas que procuram mais oportunidades de crescimento na carreira.

O que diferencia a Keller Williams das outras rede de mediação?

Como referi anteriormente, a KW tem uma cultura única de apoio e motivação, bem como de formação, disponibilizando técnicas que têm sido aperfeiçoadas ao longo dos últimos 32 anos e que levaram a operadora a ser considerada como n.º 1 nos EUA.

Estas técnicas de liderança e de gestão dos market centers, aliadas aos seus programas de formação, permitem que a KW tenha um lugar de primazia no imobiliário em todo o mundo.

Portugal é já a maior representação da KW fora da América do Norte, porquê a aposta no nosso país?

A KW decidiu investir em dois parceiros de excelência em Portugal, Nuno Ascensão e Eduardo Garcia e Costa, que, com princípios, valores e sistemas idênticos, partilham a nossa cultura e têm uma capacidade de liderança inovadora, aspetos fundamentais para assegurar o sucesso da KW em Portugal – o que é extremamente importante porque Portugal é um mercado estratégico para o mercado imobiliário.

O que distingue o mercado português e o norte-americano?

O mercado imobiliário português tem-se revelado mais estável nos últimos oito anos, comparativamente ao mercado norte-americano.

Há quem fale noutra bolha imobiliária nos EUA? Corresponde? Como se encontra neste momento o mercado norte-americano a nível imobiliário?

O mercado norte-americano ainda procura recuperar de uma década de recessão e essa recuperação prevê-se continuar lenta.

O mercado imobiliário tradicionalmente tem expandido e contraído. Espera-se por isso que a sua expansão se mantenha acompanhada de um lento crescimento para assegurar a estabilidade económica tanto para compradores como para vendedores.KW - Portugal

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s